• Aquecedores de água a gás

• Aquecedores de Ambiente

• Aquecedores de Piscinas

• Aspiração Central

• Bio Lareira a álcool

• Caldeira Dupla Função a Gás

• Caldeira de Piso

• Caldeira a Pellet

• Canaleta para Split

• Ducha Híbrida

• Energia Fotovoltaica

• Esgoto Acústico

• Estação Elevatória de Esgoto

• Filtro para Gás

• Fan Coil

• Fogão a Lenha

• Fogão a Lenha de Embutir

• Fogão a Lenha Hidrônico

• Pellet de Madeira

• Piso Aquecido Radiante

• Pressurizador Automático

• Radiador de Alumínio

  para Calefação

• Reservatório Térmico Solar

• Secador de Roupas a Gás

• Termostato de Ambiente Digital

• Toalheiro

• Tubulação Multi Camadas

• Válvula Termostática para

  Radiador

WHATSAPP   54   99100.3336

Piso Aquecido Radiante Elétrico

 

 

Princípios de Funcionamento

Os sistemas de piso radiante elétrico funcionam a uma baixa temperatura, emitindo calor radiante, fornecendo um conforto térmico ótimo.

 

Vantagens e Benefícios

Saiba quais as vantagens e benefícios dos sistemas de piso radiante elétrico e as razões pelas quais deverá escolher este tipo de sistema

 

Eficiência energética

Eficiência energética dos sistemas de piso radiante elétrico

 

Custos de Operação

Ficará surpreso em saber o custo em manter um sistema de piso radiante elétrico como sistema primário de aquecimento

 

Os sistemas de piso radiante elétrico são instalados, na maioria dos casos, imediatamente antes do revestimento final. Quando em funcionamento, o sistema emite energia térmica de uma forma uniforme através do revestimento final, a partir de onde o calor se transmite para o espaço que se pretende aquecer.

Assinatura de Radiação Térmica para o Piso Radiante Elétrico

A principal característica do piso radiante é o facto de este criar irradiação de calor de forma uniforme no sentido ascendente. Desta forma é gerada a assinatura térmica ideal para aquecimento de forma confortável. A propagação uniforme do calor aumenta gradualmente aquecendo primeiro a parte inferior dos espaços aquecidos deixando a parte superior a uma temperatura confortável sem haver sobreaquecimento (como acontece com os sistemas tradicionais), o que resulta igualmente em poupança de energia e consequentemente de custos de funcionamento.

 

Imagens de Estratificação Térmica do Piso radiante elétrico

As imagens seguintes foram construídas a partir de testes reais efetuados aos nossos sistemas de piso radiante elétrico. Estes testes foram conduzidos nos nossos laboratórios de testes na Alemanha. Poderá observar nas imagens a assinatura térmica dos nossos sistemas e a sua distribuição uniforme de forma clara. Pode igualmente observar a velocidade com que o espaço aquecido atinge rapidamente uma temperatura moderada.

Conforto e flexibilidade

Por operarem a baixa temperatura, os sistemas de piso radiante elétrico produzem calor radiante de forma uniforme a toda a superfície aquecida produzindo o conforto necessário e desejado. Por outro lado, estes sistemas podem ser instalados sob quase todos os tipos de pavimento final, eliminando o frio quer de pavimentos cerâmicos quer de outros tipos.

 

Estes sistemas foram desenvolvidos para instalações em construções novas ou reformas.

 

Neste tipo de instalação, o cabo de aquecimento é instalado sobre o contrapiso regularizado, garantindo maior velocidade de resposta se comparado com sistemas instalados no interior do contrapiso. Sua principal característica, é a praticidade de instalação e a baixa interferência na obra.

IMPORTANTE:

Por estar em contato direto com o revestimento final, este sistema se apresenta como a opção mais rápida do mercado.

Armário Fixo

Área ativa

Em cumprimento a NBR5410, não é permitido a instalação no volume zero (área do interior de boxes e banheiras). Entende-se por área ativa o espaço de circulação do ambiente, no entanto, para o cálculo de potência, é levado em conta o volume de ar total do ambiente.

 

Em ambientes com móveis fixos, é possível personalizar a distribuição dos cabos a fim de otimizar o aquecimento na área de circulação (área ativa).

 

Esse sistema produz excelente resultado na climatização e manutenção da qualidade do ar, produzindo mínimo

movimento por convecção do ar e mínima modificação da umidade relativa. É um sistema de aquecimento de ambientes  que utiliza cabos calefatores embutidos no piso, pode ser instalado sob qualquer tipo de piso. A regulagem da temperatura ambiente será efetuada através de um termostato individual para cada ambiente garantindo uma regulagem personalizada.

 

O dimensionamento adequado requer um estudo técnico prévio, no qual são feitos os cálculos de carga térmica de

inverno, visando a melhor performance do sistema para cada ambiente.

 

O aquecimento de piso pode ser aplicado em casas, apartamentos, escritórios, depósitos, creches, escolas, centros

médicos, academias de ginástica, etc.

 

O dimensionamento e a instalação deve ser feita por empresa especializada.

 

Copel recomenda: siga sempre as orientações do fabricante para instalação, utilização e manutenção do seu aparelho elétrico.

 

Fonte site Copel

 

Eficiência energética

 

Existe alguma confusão no que diz respeito à dimensão das capacidades de poupança de energia dos sistemas de piso radiante. Os resultados de diversos estudos indicam que o consumo de energia dos sistemas de piso radiante se situa entre os 50% abaixo e 10% acima dos sistemas de aquecimento convencionais. A confusão encontra-se na dimensão da redução da temperatura ambiente.

 

Nos sistemas de aquecimento por piso radiante, cerca de metade da energia é emitida como calor radiante de baixa temperatura. Este processo é bastante eficiente visto que ao proporcionar uma temperatura ambiente mais baixa permite uma sensação de mais calor, sendo isto devido ao fato de que o calor radiante reduz as perdas de calor do corpo humano. No entanto, se sobreaquecer o espaço em causa para atingir as temperaturas às quais está habituado com os sistemas de aquecimento tradicionais, não obterá o benefício desta poupança de energia.

A poupança de energia varia e depende do isolamento térmico, padrões de utilização e necessidades pessoais dos utilizadores. Outro fator a ter em conta é o custo da eletricidade. Dito isto, acrescente-se que, a conversão de óleo ou gás em energia térmica é muito menos eficiente que a conversão da energia elétrica para térmica, devido às perdas provocadas pela ventilação da caldeira.

 

Subdivisão por zonas aumenta a eficiência energética

O aquecimento por energia elétrica é de uma forma geral controlado de uma forma subdividida, isto é, divisão por divisão (ao invés de um termóstato único para o aquecimento central). A diferença de custos de funcionamento entre o aquecimento central a gás (ou óleo) e os sistemas de aquecimento por piso radiante varia em função das características térmicas de cada casa, da idade e eficiência das caldeiras e radiadores, dos padrões de utilização, dos sistemas de controle instalados e da tarifa de gás ou eletricidade.

A quantidade de variáveis envolvidas torna impossível a criação de uma regra de cálculo viável. Como regra geral, com os sistemas Warmup é possível uma poupança de energia de cerca de 10 a 15% em relação aos sistemas tradicionais, se for instalado um bom isolamento térmico.

 

 

54 3222-5644

ASSISTÊNCIA TÉCNICA

CONTATO

CONTATO

Horário de Atendimento

Atendimento

Segunda à Sexta das 8h 30 às 11h 45

e das 13h 30 ás 18h 30 e ao Sábado 9h as 11h 45

Fones:  54  3222.5644  |  3028.5604  |  3028.5644

MAPA DE LOCALIZAÇÃO DA  SUDARE

WHATSAPP

Rua Tronca, 2029 - 95010-100  -  Caxias do  Sul - RS

Fones:  54  99100.3336

Todos os direitos reservados a Sudare

Eficiência energética

 

Existe alguma confusão no que diz respeito à dimensão das capacidades de poupança de energia dos sistemas de piso radiante. Os resultados de diversos estudos indicam que o consumo de energia dos sistemas de piso radiante se situa entre os 50% abaixo e 10% acima dos sistemas de aquecimento convencionais. A confusão encontra-se na dimensão da redução da temperatura ambiente.

 

Nos sistemas de aquecimento por piso radiante, cerca de metade da energia é emitida como calor radiante de baixa temperatura. Este processo é bastante eficiente visto que ao proporcionar uma temperatura ambiente mais baixa permite uma sensação de mais calor, sendo isto devido ao fato de que o calor radiante reduz as perdas de calor do corpo humano. No entanto, se sobreaquecer o espaço em causa para atingir as temperaturas às quais está habituado com os sistemas de aquecimento tradicionais, não obterá o benefício desta poupança de energia.

A poupança de energia varia e depende do isolamento térmico, padrões de utilização e necessidades pessoais dos utilizadores. Outro fator a ter em conta é o custo da eletricidade. Dito isto, acrescente-se que, a conversão de óleo ou gás em energia térmica é muito menos eficiente que a conversão da energia elétrica para térmica, devido às perdas provocadas pela ventilação da caldeira.

 

Subdivisão por zonas aumenta a eficiência energética

O aquecimento por energia elétrica é de uma forma geral controlado de uma forma subdividida, isto é, divisão por divisão (ao invés de um termóstato único para o aquecimento central). A diferença de custos de funcionamento entre o aquecimento central a gás (ou óleo) e os sistemas de aquecimento por piso radiante varia em função das características térmicas de cada casa, da idade e eficiência das caldeiras e radiadores, dos padrões de utilização, dos sistemas de controle instalados e da tarifa de gás ou eletricidade.

A quantidade de variáveis envolvidas torna impossível a criação de uma regra de cálculo viável. Como regra geral, com os sistemas Warmup é possível uma poupança de energia de cerca de 10 a 15% em relação aos sistemas tradicionais, se for instalado um bom isolamento térmico.